You are here

Valéria Monteiro oficializa filiação ao nanico PMN

Candidata à Presidência, ex-apresentadora do ‘Jornal Nacional’ publicou na semana passada vídeo em que chamou Jair Bolsonaro de ‘mentiroso’

Por
Da Redação

access_time

12 jan 2018, 18h20

Pré-candidata à Presidência da República, a jornalista Valéria Monteiro oficializou nesta sexta-feira sua filiação ao Partido da Mobilização Nacional (PMN). O ato que concretizou a entrada da ex-apresentadora do Jornal Nacional e do Fantástico no partido nanico aconteceu na Câmara Municipal de São Paulo.

Valéria, que anunciou sua pré-candidatura ao Planalto em setembro de 2017, negociou sua filiação com Avante, PRP, Livres e a Rede Sustentabilidade até assinar o ingresso no PMN. “Procurei um partido corajoso e decente. Sabia que era difícil”, disse a jornalista a VEJA.

No último sábado, antes mesmo da filiação, a ex-apresentadora já havia mostrado a que veio. Ela publicou em seu perfil no Facebook um vídeo em que atacou o também presidenciável Jair Bolsonaro (PSC-RJ). Na mensagem, visualizada 2,8 milhões de vezes e compartilhada outras 42.860 na rede social, Valéria classificou Bolsonaro como “mentiroso” e chegou a compará-lo ao nazista Adolf Hitler.

“Hoje eu vim aqui falar com você, Bolsonaro, você é um mentiroso. O seu discurso de ódio, Bolsonaro, faz as pessoas brigarem, você não respeita as diferenças e eu vou lutar até o fim contra isso, que é o pior do ser humano. Hitler começou assim, pegou uma Alemanha pobre e descrente que precisava de autoestima e convenceu as pessoas através do medo a acreditar nas suas mentiras, assim como você faz”, afirmou Valéria Monteiro.

“Marque local e hora, vamos debater, Bolsonaro, porque os seus 15 minutos de fama acabaram”, provocou.

Source

Related posts