You are here

Trecho da Ciclovia Tim Maia é interditado em dia de ondas de até 2,5 metros

O Centro de Operações da Prefeitura do Rio começou a interdição de um trecho da Ciclovia Tim Maia às 5h55m desta terça-feira, entre São Conrado e Barra da Tijuca. O fechamento vem após o registro de ondas de mais de dois metros e período de pico maior que 15 segundos. Segundo o órgão, as condições do tempo são a base de um dos protocolos para vetar o acesso de ciclistas e pedestres à ciclovia, condenada pelo Ministério Público do estado, nesta semana, após mais uma vistoria técnica.

Em abril de 2016, fortes ondas resultaram no desabamento no trecho da Avenida Niemeyer e na subsequente morte de duas pessoas. No começo da semana, o MP concluiu que a ciclovia ainda não é ‘minimamente segura’ para ciclistas e pedestres. A nota do órgão ressalta que os reparos realizados pelo consórcio Concremat-Concrejato não foram baseados sequer em estudos hidrológicos.

A conclusão é do Grupo de Apoio Técnico do MPRJ (GATE/MPRJ), que realizou vistoria no local, e constatou que mesmo depois das obras, ainda há diversos pontos de corrosão e falhas na estrutura da ciclovia, em toda zona costeira entre Praia do Pepino até o Viaduto Rei Alberto – Gruta da Imprensa. De acordo com o GATE/MPRJ, uma nova tragédia poderia se repetir no local, diante da não-realização dos estudos hidrológicos necessários, da corrosão e do mau estado das estruturas de suporte da via.

Ondas de até 2,5 metros

Equipes do Centro de Operações e do Alerta Rio monitoram as condições do tempo nesta terça-feira. De acordo com a Prefeitura, as condições do mar e dos ventos são os principais critérios de ativação da resposta municipal em nome da segurança dos usuários. A ciclovia é fechada caso os sensores marítimos indiquem ondas com altura igual ou mais que dois metros, com período de pico igual ou maior que 15 segundos, ou caso dados do Instituto Nacional de Metereologia (Inmet) apontem ventos iguais ou superiores a 90 km/h.

Desde a segunda-feira, o Centro de Operações emitiu aviso de ressaca, constatada pela Marinha do Brasil. O comunicado ressalta que ondas de até 2,5 metros podem atingir o litoral da cidade até as 22h desta terça-feira.

Em função das condições do tempo, a o poder municipal recomenda que a população não permanece em mirantes na orla ou em locais próximos ao mar durante a ressaca, respeite as orientações de sinalização e de agentes públicos na ciclovia e, se necessário, acione o Corpo de Bombeiros (193), a Defesa Civil (199) ou a Central de Atendimento da Prefeitura (1746). Pescadores também deve evitar a navegação, segundo o órgão.

Source

Related posts

Leave a Comment