You are here

Secretário confirma mais três mortes por gripe no RS; número de vítimas sobe para 20 em 2017 | Rio Grande do Sul

Casos foram registrados entre moradores das cidades de Alvorada, Venâncio Aires e Guarani das Missões.

Duas das vítimas tinham sido vacinadas (Foto: Leandro Osório/ Especial Palácio Piratini)Duas das vítimas tinham sido vacinadas (Foto: Leandro Osório/ Especial Palácio Piratini)

Duas das vítimas tinham sido vacinadas (Foto: Leandro Osório/ Especial Palácio Piratini)

O secretário de Saúde do Rio Grande do Sul, João Gabbardo Reis, divulgou, na manhã desta quarta-feira (28) que mais três pessoas morreram por gripe. Com isso, o número de vítimas subiu para 20 em 2017.

Uma das vítimas era uma idosa de 82 anos, moradora de Venâncio Aires, no Vale do Rio Pardo, que sofria de doença cardíaca, diabetes e obesa. Ela havia sido vacinada, mas morreu na segunda-feira.

A segunda vítima também foi um idoso de 82 anos, que morreu no dia 10 de junho. Ele era natural de Guarani das Missões, não havia sido vacinado, e faleceu no Hospital Santo ngelo. Foi identificado o vírus H3N2, da gripe A.

O mesmo vírus, conforme o secretário, vitimou uma mulher de 31 anos, moradora de Alvorada, na Região Metropolitana de Porto Alegre. Ela sofria de imunodeficiência, e foi vacinada tardiamente. Sua morte aconteceu no domingo (25).

De acordo com o relatório epidemiológico divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde no dia 24, e que não incluiu as três mortes divulgadas pelo secretário nesta quarta, foram notificados 161 casos de infecção por Influenza A (H1N1 e H2N3); 13 por Influenza A não subtipado; 32 por Influenza B, e dois casos em que os pacientes foram infectados por ambos os vírus (B e H2N3).

Source

Related posts

Leave a Comment