You are here

‘Quadro de saúde é gravíssimo’, diz secretário de saúde sobre bebê baleado na barriga da mãe em Duque de Caxias | Rio de Janeiro

Segundo ele, a situação de saúde da mãe é grave e a do bebê é ‘gravíssima’, como falou em uma entrevista ao RJTV. Bala que atingiu o quadril da mãe atravessou tórax e pulmão do bebê, que teve também lesão na coluna.

Secretário de saúde de Duque de Caxias afirmou que situação do bebê é muito grave. (Foto: Reprodução/ TV Globo)Secretário de saúde de Duque de Caxias afirmou que situação do bebê é muito grave. (Foto: Reprodução/ TV Globo)

Secretário de saúde de Duque de Caxias afirmou que situação do bebê é muito grave. (Foto: Reprodução/ TV Globo)

O secretário de saúde de Duque de Caxias, José Carlos Oliveira, que é médico, está acompanhando o atendimento a uma grávida que foi baleada na pelve na sexta-feira (30), na comunidade do Lixão, durante um tiroteio, e falou sobre o atendimento a mãe e bebê. O menino que ela esperava foi atingido no tórax. Segundo ele, a situação de saúde da mãe é grave e a do bebê é “gravíssima”, como falou em uma entrevista ao RJTV.

“O quadro de saúde da mãe é grave. Ela está no CTI e está sendo acompanhada pela equipe do Hospital Moacyr do Carmo e está sendo assistida. A criança foi transferida para o Hospital Adão Pereira Nunes onde, por volta de 3h, 4h foi trocado o dreno do tórax. O quadro do bebê é gravíssimo”, explicou o secretário.

A bala que atingiu o quadril da mãe atravessou o tórax e o pulmão do bebê, que teve também uma lesão neurológica na coluna. O secretário afirmou que a mãe passou por uma cirurgia e está sendo atendida.

O pai da criança, segundo José Carlos Oliveira, está muito abalado.

“Você imagina um pai de primeira vez, ela estava fazendo pré-natal, sendo assistida. Saiu para ir ao supermercado e foi essa história que chegou para a gente. Uma tragédia dessas. Estamos vivendo uma vida abalada, durante 24 horas”, destacou o secretário.

Claudineia dos Santos Melo, que estava grávida de 39 semanas, estava indo ao mercado quando foi atingida na pelve.

A bala atravessou o tórax da criança e também atingiu parte da orelha, de acordo com boletim da Secretaria de Saúde de Duque de Caxias.

Lúcida, Claudineia foi levada ao Hospital Moacyr do Carmo e foi levada para o centro cirúrgico, onde os médicos fizeram o parto. Logo após nascer, a criança foi entubada e levada para a UTI da unidade e diagnosticada com pneumotórax bilateral. Depois de novos exames, os médicos identificaram fragmentos ósseos no canal medular dorsal.

Depois do primeiro atendimento, o bebê foi levado para o Hospital Adão Pereira Nunes, em Saracuruna, também na Baixada, para ser acompanhado por uma equipe de neurologia e outras especialidades. A criança ainda encontra-se em estado grave.

Na manhã deste sábado (1º), o bebê passou por exames radiológicos e por uma drenagem dos pulmões.

A 59ºDP (Duque de Caxias) está investigando o caso. Dois policiais militares prestaram depoimento. Eles disseram que estavam saindo da comunidade quando foram atacados a tiros. Eles contaram que não revidaram e, quando constataram que a gestante havia sido atingida, a levaram para o hospital.

Source

Related posts

Leave a Comment