You are here

Mulher é enterrada viva e familiares encontram corpo revirado no caixão

Os moradores de Riachão das Neves, no oeste da Bahia, estão assustados com um caso acontecido na cidade. A família de Rosângela Almeida dos Santos deu queixa na Delegacia de #Polícia após desconfiarem que ela foi enterrada ainda com vida. As desconfianças da família começaram após uma vizinha do cemitério avisar às pessoas que ouviu gritos vindos de dentro do túmulo. Desconfiada, a mãe de Rosângela exigiu que o caixão da filha fosse aberto. Ao ver o estado que o corpo se encontrava [VIDEO], teve a certeza de que a filha havia sido enterrada ainda com vida.

Rosângela teve a morte atestada por um médico no dia 28 de janeiro após ficar alguns dias internada no hospital.

O laudo médico aponta que ela foi vítima de choque séptico, que é o resultado de uma infecção que se alastra pelo corpo rapidamente e afeta vários órgãos. O corpo de Rosângela foi enterrado dia 29, no entanto, os gritos vindos do cemitério [VIDEO] só foram ouvidos dez dias depois.

“Quando eu cheguei bem ali em frente, eu ouvi batendo ali dentro. Aí eu pensava que era brincadeira dos meninos, que os meninos só vivem aqui dentro [do cemitério] brincando… Aí gemeu duas vezes, com as duas gemidas ela parou”, falou a dona de casa Natalina Silva.

Após suspeitas que Rosângela poderia ter sido enterrada viva, a mãe exigiu que o caixão dela fosse aberto. Ao se deparar como o corpo, a mãe teve uma surpresa. A filha estava bem diferente de como foi enterrada. O corpo estava revirado no caixão como ela estivesse acordada e tentado sair.

Além disso, a mãe disse que as mãos da filha estavam feridas, como se ela tivesse tentando empurrar a tampa do caixão.

“Até aqueles preguinhos que estavam em cima estavam soltos. A mãozinha tava ferida, como quem estava arrumando assim… arrumando o caixão para sair”, disse a mãe.

O hospital onde foi ocorreu o possível erro médico disse que está aberto para mais esclarecimentos. O nome médico que fez o atestado de óbito não foi divulgado.

Entristecida, a família de Rosângela pede justiça para o caso. Em entrevista, uma das irmãs de Rosângela diz que quer ter certeza que a irmã foi enterrada com vida. Ela falou que não tem a intenção de prejudicar ninguém caso seja constatado erro médico, no entanto, pede que a perícia investigue o verdadeiro motivo da morte.

A família ainda aguarda mais respostas da polícia sobre o caso. Enquanto isso, os moradores da cidade continuam perplexos com o acontecido. Muitos pedem justiça para o caso de Rosângela.

#Morre

Source

Related posts