You are here

Laudo informa que bebê está com um coágulo na cabeça

O bebê que foi baleado dentro da barriga da mãe, durante um tiroteio na Favela do Lixão, na última sexta-feira, está com um coágulo na cabeça, segundo informações do secretário de Saúde de Duque de Caxias. A criança, que está internada em estado grave no Hospital estadual Adão Pereira Nunes, na Baixada Fluminense, também está paraplégica, de acordo com boletim médico.

O bebê está em estado “grave estável, em ventilação mecânica, sedado, com dreno de tórax bilateral”. O laudo também aponta uma lesão na vértebra do bebê, na altura do tórax. mãe da criança, Claudineia dos Santos Melo, está em estado “estável hemodinamicamente”, ou seja: pressão e batimentos cardíacos estáveis. Segundo a secretaria de Saúde de Caxias, ela segue em observação. Ela permanece internada no Hospital municipal Dr. Moacir Rodrigues do Carmo, também em Caxias.

Um laudo médico relata a presença de fragmentos ósseos na medula do bebê que foi baleado dentro da barriga da mãe, em Duque de Caxias, indicando que a criança está paraplégica. O estado de saúde ele é considerado gravíssimo.

A criança está internada na UTI neonatal do hospital Adão Pereira Nunes desde esta sexta-feira, dia 30, após ter sofrido uma lesão grave no peito, fratura de clavícula e traumatismo craniano.

Sua mãe, Claudineia dos Santos Melos, 29 anos, estava com nove meses de gestação e foi atingida por estilhaços de tiros da Favela do Lixão. O parto ocorreu após a mulher ter sido encaminhada ao hospital.

Segundo policiais militares, havia uma operação na favela quando a mulher foi atingida. Os agentes afirmam ter sido atacados por traficantes e que não reagiram.

Foi instaurado um inquérito no 59ºDP para averiguar as lesões sofridas pela grávida e pela criança.

Leia a íntegra da reportagem.

RJ: durante tiroteio, professor toca e canta para acalmar alunos

Source

Related posts

Leave a Comment