You are here

Josias: para livrar Temer, TSE cogita tirar dados da Odebrecht

247 – Segundo o jornalista Josias de Souza, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) cogita descartar as informações da delação da Odebrecht, de forma a salvar Michel Temer no julgamento que pede a cassação da chapa vitoriosa das eleições de 2014.

“Às vésperas do julgamento sobre a cassação da chapa Dilma Rousseff-Michel Temer, ministros do Tribunal Superior Eleitoral passaram a cogitar a hipótese de excluir do processo todas as informações relacionadas às doações ilegais da Odebrecht. A manobra jogaria no lixo investigação realizada pela corregedoria do tribunal, enfraquecendo a acusação. Em consequência, os magistrados que resistem à ideia de interromper o mandato de Temer ganhariam um pretexto adicional para poupar Temer de um castigo mais draconiano”, diz Josias em seu blog no UOL.

“De acordo com a defesa de Temer, ao incluir as delações da Odebrecht e os depoimentos do casal João Santana e Mônica Moura, marqueteiros de campanha da chapa Dilma-Temer, TSE teria cometido um pecado chamado tecnicamente de ‘extrapolação do objeto’. Quer dizer: o tribunal teria injetado no processo acusações que não constavam das ações originais, movidas pelo PSDB de Aécio Neves, candidato derrotado nas eleições de 2014”, diz ainda.

Segundo o colunista, há ministros do TSE que “se revelam nos subterrâneos propensos a engolir a tese”. Para ele, se o TSE acatar a tese dos advogados de Temer, “irá jogar fora tudo o que antes era considerado prova”.

Source

Related posts

Leave a Comment