You are here

Hospital do Vaticano oferece-se para ajudar o bebé Charlie > TVI24


O hospital Bambino Gesù, o hospital pediátrico do Vaticano, ofereceu-se para receber o bebé britânico Charlie Grad, para evitar que sejam desligadas as máquinas que lhe suportam a vida, como pretendem os médicos, contra vontade dos pais. 

Charlie tem 10 meses e é uma das 16 crianças no mundo que sofre de uma desordem genética que afeta gravemente o seu desenvolvimento. A doença chama-se síndrome de depleção do ADN mitocondrial (MDDS, na sigla inglesa).

O hospital sugeriu aos pais que pensassem em desligar as máquinas de suporte de vida, uma vez que não havia qualquer tratamento que pudesse melhorar a qualidade de vida da criança. Os pais discordam e mantêm com o hospital uma batalha judicial, para evitar que sejam desligadas as máquinas que prendem Charlie à vida.

Depois de o Papa ter apelado a que o hospital italiano cuidasse de Charlie, a diretora do Bambino Gesù, Mariella Enoc, comunicou, esta segunda-feira, que a instituição está a estudar a possibilidade da transferência de Charlie.

Pedi ao diretor médico para verificar com o Great Ormond Street Hospital, em Londres. Se há condições para uma eventual transferência do bebé Charlie para o nosso hospital “, disse Mariella Enoc à imprensa italiana.

Esta oferta acontece depois de o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, ter manifestado a sua disponibilidade para ajudar. Os pais de Charlie querem levá-lo para os EUA para um tratamento experimental.

Através do Twitter, Donald Trump declarou que os Estados Unidos estão dispostos a ajudar.

 

Source

Related posts

Leave a Comment