You are here

Edinho e Roger veem falhas de goleiro do Flu nos gols de falta do Grêmio

Na opinião de Roger Flores, as duas cobranças eram defensáveis. Para Wagner Vilaron, Júlio César demorou a chegar na bola no gol marcado por Luan

O Grêmio confirmou a ótima fase no Campeonato Brasileiro e derrotou o Fluminense na noite desta quinta-feira no Maracanã por 2 a 0. Graças a dois gols de falta. O primeiro, logo aos sete minutos de jogo, em uma bomba do lateral Edílson. E o segundo, aos 35 da etapa final, em uma cobrança colocada do atacante Luan. Na opinião dos comentaristas do SporTV Edinho e Roger Flores, o goleiro Júlio César falhou nos dois lances.

– Achei que o Júlio César demorou (a ir na bola) nas duas. As duas eram defensáveis (…) Na primeira, sai atrasado, a bola passa por cima dele, ele está se esticando, mas muito embaixo (da direção da bola). E na segunda, a falta é bem cobrada, mas de forma lenta. E a bola não entra tão no canto assim. Ele até toca na bola, mas sem força suficiente para tirar. Acho que o Júlio poderia ter defendido as duas bolas – analisou Roger.

Edinho concordou e viu erro do goleiro também na armação da barreira.

– Falhou na duas. (Errou) Na armação da barreira. Primeira coisa que o batedor de falta faz é olhar o posicionamento do goleiro. Se ele está atrás da barreira, não tem uma visão da saída da bola, fica muito mais difícil (…) (No primeiro gol) O canto em que a bola entrou, era o canto dele. O Edílson foi feliz (no chute). E mais feliz ainda que o Júlio César não viu a saída da bola. Quando ele percebeu, ela já estava passando da barreira (…) No segundo gol, era só colocar a bola dentro do gol que o Júlio César sairia atrasado, como saiu.

Comemoração Gol Edílson Fluminense x Grêmio Maracanã - Campeonato Brasileiro 2017 7ª Rodada (Foto: André Durão)Edílson comemora o primeiro gol do Grêmio diante do Fluminense no Maracanã (Foto: André Durão)

Na opinião do jornalista Wagner Vilaron, a falha principal ocorreu no segundo gol, quando Luan colocou a bola não tanto no canto direito. Mas mesmo assim o goleiro do Tricolor carioca não conseguiu impedir que ela entrasse.

– No segundo gol, (ele) demorou para chegar. Ele espalma a bola quando ela está praticamente dentro do gol. A bola não vai (no ângulo). Vai mais no meio do que no canto. No primeiro gol, achei que a barreira ficou muito desarrumada.

+ Abel Braga afirma que barreira poderia ter pulado no segundo gol do Grêmio

Source

Related posts

Leave a Comment