You are here

Digno de um Iniesta, Arthur faz o Grêmio jogar como se tivesse 15 em campo

O jovem de 21 anos teve um desempenho espetacular na estreia do Brasileirão, e será extremamente útil ao Barcelona no futuro

Header Tauan Ambrosio

Na primeira rodada do Brasileirão apenas um time trocou mais passes certos do que o Grêmio [558]: o Atlético-PR [597], que passou como um trator por cima da Chapecoense ao golear por 5 a 1.

Mas a diferença que faz a estreia do Grêmio tão positiva não ficou apenas em jogar fora de casa, mas também em ter como adversário o Cruzeiro: atual campeão da Copa do Brasil, Campeonato Mineiro e considerado um dos elencos mais fortes do nosso país.

O principal destaque do time comandado por Renato Gaúcho, entretanto, não apareceu marcando gols ou dando assistências.

Arthur se multiplicou em campo no primeiro jogo do Campeonato Brasileiro de 2018. Em campo, o jovem de apenas 21 anos se comportou como um veterano. Ditou o ritmo do time não apenas com um aproveitamento absurdo no também incrível número de 109 passes [92.7%], mas construindo uma superioridade grande no campo de ataque do time da casa.

GFX Arthur rodada 1 Brasileirão

O aproveitamento espetacular em passes certos não chegou com os toques fáceis: Arthur acertou 93.4% dos 61 passes no campo de ataque, sendo o gremista que mais articulou as jogadas em uma área de considerável dificuldade. E quando a missão ficava mais difícil, na intermediária do Cruzeiro [ou terço final] a excelência seguia inabalável: 94.1% de sucesso.

Jogador mais participativo, constante, que arriscou dribles em campo [foram 4] e ainda criou uma chance de gol para os companheiros. E não se concentra apenas na construção: sabe ocupar espaços na fase defensiva e, contra a Raposa, foi o jogador gremista que mais ganhou divididas [85.7% de 14 no total].

Arthur Thiago Neves Cruzeiro Grêmio Brasileirão 16 04 2018Completo em todas as fases do jogo (Foto: Washington Alves/Light Press)

Meio-campista de manual, daqueles que ainda têm muitos anos à sua frente para demonstrar um futebol de se levantar para bater palmas. E já negociado com o Barcelona, que não terá mais Andrés Iniesta na próxima temporada. Embora atue mais pela direita, ao contrário do craque espanhol, Arthur dispõe do mesmo DNA para ditar o ritmo para seus companheiros. Quem agradece, hoje, é o Grêmio.

… Mas no Camp Nou já devem estar esfregando as mãos só de pensar em como ele poderá contribuir nos próximos anos.

Source

Related posts