You are here

Cuca vê Dudu praticamente fora e mantém esperança de ter Guerra

Sem a presença da imprensa, Cuca treinou o Palmeiras para enfrentar o Atlético-MG durante a tarde desta sexta-feira, na Academia de Futebol. O treinador praticamente descartou a possibilidade de contar com o atacante Dudu no domingo, mas manteve as esperanças de ter o meia Guerra.

Dono da tarja de capitão, Dudu foi escalado como titular diante do Internacional na noite da última quarta-feira, pela Copa do Brasil. Ainda no primeiro tempo, o atleta sentiu lesão muscular e acabou substituído por Keno no jogo que marcou a classificação palmeirense às quartas de final.

“O Dudu é muito difícil. Tem outros probleminhas também que estão no departamento médico, como o Jean. Precisamos esperar. O jogo não é hoje nem amanhã, ainda faltam 46 horas. Vamos com calma para depois decidir”, disse Cuca após o treino desta sexta-feira.

Já Guerra, vitimado por uma pancada na panturrilha, nem viajou com a delegação para Porto Alegre e, segundo Cuca, tem mais chances de enfrentar o Atlético-MG. “Torço para que ele possa jogar no domingo, porque faz muita falta na criação”, declarou o técnico.

Caso Dudu seja vetado, o favorito para começar entre os titulares é Keno, elogiado por Cuca pelas performances contra São Paulo e Internacional. Para o meio de campo, Raphael Veiga, Michel Bastos e Hyoran são as principais alternativas para o confronto.

Uma possível escalação tem Fernando Prass; Jean, Yerry Mina, Edu Dracena e Zé Roberto; Felipe Melo e Tchê Tchê; Roger Guedes, Raphael Veiga e Keno; Willian (Borja). O jogo está marcado para as 16 horas (de Brasília) de domingo, no Estádio Palestra Itália.

“É um time com conjunto e uma maneira sólida de jogar”, disse Cuca sobre o Atlético-MG. “Tem duas linhas de quatro e dois atacantes, um de referência e outro de velocidade. São jogadores habilidosos, alguns selecionáveis. Com dois grandes times, tem tudo para ser um jogão”, previu Cuca.


Gazeta Esportiva

Gazeta Esportiva

Source

Related posts

Leave a Comment