You are here

Cavani, sobre Neymar: ‘Não precisamos ser todos amigos ou como uma família’

O atacante Edison Cavani, do PSG, disse ao canal francês “SFR” que ser competitivo é mais importante do que manter amizade com Neymar, depois da polêmica entre os dois, e também afirmou que o técnico Unai Emery ainda não tomou uma decisão em relação a quem baterá os pênaltis da equipe.

Perguntado sobre a discussão com o brasileiro na hora da cobrança de um pênalti e também em uma falta na vitória por 2 a 0 sobre o Lyon, no último mês, o atacante uruguaio disse que o mais importante é “ser profissional em campo” e não que “todos sejam amigos ou como uma família” no elenco.

“O episódio do pênalti está no passado. Essas coisas acontecem no futebol. O importante agora é encontrar uma solução juntos e funcionar como um time. Ultimamente, é isso que te permite atingir grandes coisas”, disse Cavani.

“Nós precisamos ser um time competitivo, não precisamos ser todos amigos ou como uma família. A coisa mais importante é que todos são profissionais no campo e dá 100%. Fora isso, todo mundo tem sua própria vida, sua própria forma de ser e sua própria forma de pensar”, acrescentou.

Sobre quem é o batedor oficial de pênaltis do PSG, Neymar já declarou que “foi decidido”, mas que isso é uma coisa que fica “no vestiário”. Cavani, contudo, indicou que Emery ainda não tomou posição.

“O importante é vencer e, para isso, a solução tem que ser a melhor para o time. O técnico deve decidir o que é melhor para o time. Acredito que é o técnico quem vai encontrar a solução. Quando ele fizer sua escolha, será assim. Ele já tomou sua decisão? Eu não sei”, afirmou.

Desde a polêmica, o PSG teve um pênalti a seu favor, convertido por Neymar na goleada por 6 a 2 sobre o Bordeaux, no final de setembro. Nesta quarta-feira, o time volta a campo, pela Uefa Champions League, contra o Anderlecht-BEL, às 16h45 (horário de Brasília).

Source

Related posts

Leave a Comment