You are here

Áudio: Felipe Melo chama Cuca de “mau caráter” e abre portas para Fla, mas recua | palmeiras

Sem citar nomes, o volante se refere a alguém do clube como “covarde”, “mau caráter” e “mentiroso” e diz que, com ele, não vestirá mais a camisa alviverde. Ouça abaixo!

O jogador confirmou a veracidade da gravação, em entrevista à ESPN Brasil, mas pediu para que ela fosse desconsiderada por ter “tomado champanhe” na noite de domingo.

– O áudio é meu, não lembro com quem eu falei. Por mais que tenha sentido esse problema, ontem comemorei o aniversário da minha esposa, tinha muita gente aqui (em casa). Eu queria esquecer um pouquinho os problemas, tomei alguns champanhes, comemorei e nem lembro para quem falei. Tive oferta de dois clubes turcos, não só o Galatasaray, que prontamente foram recusadas. Sobre o Cuca, de repente com o coração um pouco partido, triste, acabei falando essa situação – admitiu.

O que Felipe Melo diz no áudio?

– Aqui não tem jeito, aqui já era. Com esse cara, eu não trabalho. Esse cara é covarde, mau caráter, enfim… Mentiroso, falou uma coisa e fica ligando para a imprensa falando um monte de coisa. Por enquanto, não estou falando. Quando eu falar, eu vou rasgar ele no meio. Mas enfim, agora vamos ver – disse, antes de listar supostos clubes interessados em seu futebol.

– Confesso que agora têm vários clubes interessados. Vários, sabe? Corinthians, Inter, São Paulo, Grêmio, Atlético-MG, Flamengo… Todo o mundo está interessado. Agora, o negócio foi ontem, né? Creio que agora vão começar a clarear as coisas. O presidente lá quer conversar comigo, (o presidente) do Palmeiras. Vamos ver se a gente faz alguma coisa, mas com esse cara eu não fico. Porque a torcida veio contra, então eles estão doidinho, né? Mas vamos ver. Flamengo parece que estamos conversando aí, né? Se o Flamengo realmente quiser esse é o momento, nunca esteve tão fácil – falou.

Na sexta-feira passada, Cuca informou ao próprio jogador que não contava com ele para o duelo de sábado, contra o Avaí, pelo Brasileirão. Posteriormente, a mesma informação foi repassada pelo treinador a todo o elenco, durante reunião que havia sido marcada pelo presidente do clube, Maurício Galiotte, com o intuito de cobrar os atletas.

O treinador já havia reclamado a algumas pessoas no Palmeiras que o volante estava “tumultuando o ambiente”. Ao falar a sós com o jogador para comunicá-lo sobre o seu afastamento, Cuca explicou que havia tentado várias formas de encaixá-lo no time, sem sucesso. Felipe Melo não gostou, mas acatou a decisão e foi para casa. A ideia era se reapresentar normalmente nesta segunda-feira, mas ele recebeu liberação da diretoria.

Com 27 partidas, mas apenas cinco delas pelo Campeonato Brasileiro, o volante ainda pode defender outra equipe na atual edição da primeira divisão nacional. Ele só não poderia se já tivesse feito cinco jogos. Seu contrato com o Palmeiras é válido até o final de 2019.

Source

Related posts

Leave a Comment