You are here

Após Santos viver ‘abandono’, Peres obtém empréstimo e banca 13º

Funcionários da gestão anterior, responsáveis por assinar contratações e empréstimos, ‘abandonaram o barco’ e não deram apoio ao presidente, que inicia sua gestão dia 2

  • separator

Eleito dia 9 de dezembro, José Carlos Peres gostaria de planejar o ano de 2018 o quanto antes. Gostaria, mas não teve o apoio dos funcionários da gestão de Modesto Roma, responsáveis por assinaturas de empréstimo bancário e contratações.

IVAN STORTI

Faltando apenas três dias para o fim do ano, o recém-eleito conseguiu empréstimo no valor de 5 milhões para colocar o clube em ordem, segundo apurou o

LANCE!.

Enquanto o recém-eleito tentava contornar a situação do clube, que estava sem verba para acertar negociações e dívidas, os membros da gestão anterior já não apareciam mais na Vila Belmiro, inclusive o atual mandatário Modesto Roma Júnior.

Porém, após muita insistência, o presidente Peres conseguiu a assinatura que dá andamento ao empréstimo bancário. A ideia é quitar a segunda parcela do 13º dos funcionários do Peixe e dar continuidade a situação de Jair Ventura. O clube precisa pagar a multa rescisória de R$ 860 mil.

O Botafogo já está ciente da saída do treinador em destino à Baixada Santista. Peres trata como prioridade o acerto entre os clubes e deve resolver a negociação nos próximos dias. Com Jair apalavrado, o mandatário se reunirá com o executivo de futebol Gustavo Vieira e o comandante para conversarem sobre os reforços para 2018. Gabigol e Robinho são os principais alvos.

LANCE!

Source

Related posts