You are here

Angola vacinou 20,6 milhões de pessoas desde o início da epidemia de febre-amarela – Observador

Angola vacinou 20,6 milhões de pessoas contra a febre-amarela no âmbito do combate à epidemia da doença, que surgiu em Luanda em dezembro de 2015 tendo depois alastrado a todo o país e provocado pelo menos 381 óbitos.

Os números foram revelados esta sexta-feira, em Luanda, pelo Diretor Nacional de Saúde Pública, Miguel dos Santos de Oliveira, no balanço da sétima fase da campanha de vacinação contra a doença, que arrancou a 9 de junho, para chegar a mais 2,7 milhões de habitantes, não abrangidos durante as campanhas anteriores.

De acordo com o responsável, já foram vacinados contra a febre-amarela, até ao momento, 20.677.025 pessoas em 118 municípios e distritos de todo país. Angola enfrentou uma epidemia de febre-amarela entre dezembro de 2015 e junho de 2016, um dos mais graves do género a nível mundial, com 884 casos confirmados laboratorialmente de um total de 4.436 casos suspeitos e 381 óbitos.

A sétima fase da campanha de vacinação previa a mobilização de três milhões de doses de vacina e outros meios logísticos suficientes para 930 equipas, para vacinar diariamente perto de 330 pessoas.

Miguel dos Santos de Oliveira anunciou ainda que a oitava fase da campanha de vacinação arranca a 12 de julho e vai abranger as populações da Chibia, Chicomba, Quilengues e Cacula, na província da Huíla, e Nzeto e Tomboco, no Zaire, prevendo imunizar 641.900 pessoas.

A meta das autoridades de saúde angolanas é chegar a 26 milhões de pessoas com idade superior a seis meses vacinadas contra a febre-amarela, segundo o Ministério da Saúde de Angola.

Source

Related posts

Leave a Comment